TELEFONES: (16) 4141-1315 / 3021-9409
CELULAR: (16) 9.9792-1049
RIBEIRÃO PRETO / SP

A GRAVAÇÃO DO DISCO  COM O CANTOR E COMPOSITOR NONÔ BASÍLIO E A DUPLA LIU E LÉU.                             

          O tempo passou e de uma menina cantora, transformei-me numa moça cantora. Gravei um disco, em 1989, e foi o único do gênero sertanejo, com uma capa dupla, até então. 
          Foi batizado de:  Nova forma de oração, titulo da música de Nonô Basílio, escrita exclusivamente, para que eu e ele cantássemos juntos. Esta musica contou, ainda,  com a participação especial da dupla Liu & Léu, na gravação da mesma faixa.

          Participei de programas de Radio, e por muito tempo a segunda musica: “ Chuva lenta” , ( Vanio e Vaninho), ficou entre as mais pedidas na RADIO NACIONAL DE BRASILIA – DF. Gravei quase todos os programas de televisão da época: Canta Viola, do Geraldo e Marcelo Meirelles, Viola minha viola, da Inezita Barroso, Rincão Brasileiro, da Vera e Oliveira Filho, Especial Sertanejo, do apresentador Marcelo Costa, e até o Programa Perdidos na noite, com o Fausto Silva.   Fiz muitos shows, e fui registrada com o nome artístico de: NAJA PIERA. Naja por gostar de uma musica instrumental do Grupo RPM, de sucesso na época, e que levava o mesmo nome  e;  Piêra: por significar: pedra, solidez... já que desejava que a minha  trajetória fosse sólida e de sucessos.

          Comecei a vender outros artistas famosos, além do meu show, e o primeiro show vendido foi o da dupla: Tião Carreiro e Pardinho, na cidade, de Espírito Santo do Dourado, MG, em 1.990. Eu me emocionava muito ao saber que cantava e produzia cantores da época, dos quais era fã. As vendas cresciam e tomavam uma grande proporção, assim, tive que deixar de fazer os meus shows, como cantora profissional, e optei por criar a naja produções de eventos.

a

Naja, Seu Pai e Seu Mestre Nonô Basílio Lançamento do CD com seu irmão Marquinhos, tia Lúcia e tio Agnaldo